Oitavos de Final da Liga dos Campeões: Grandes jogos em Perspectiva

09 dezembro, 2013


Luís Figo ditou sortes bem diferentes para FC Barcelona e Real Madrid nos oitavos de final da Liga dos Campeões. Célebre pela polémica transferência dos blaugrana para os merengues em 2000, o antigo internacional português, embaixador da final da prova, que se realizará no Estádio da Luz, a 24 de maio de 2014, tirou as bolas referentes aos dois gigantes de Espanha, “determinando” assim um duelo escaldante entre o FC Barcelona e o Manchester City: a par do Arsenal - Bayern de Munique, este será o confronto mais aguardado.

Já ao Real Madrid saiu o Schalke 04, teoricamente um dos adversários mais acessíveis em competição. Esta é, de resto, a estreia do Manchester City nestas andanças. Apesar de ser por estes dias um tubarão do futebol europeu a equipa comandada por Manuel Pellegrini nunca havia conseguido passar a fase de grupos. Foi bem sucedido este ano, terminando no segundo lugar do Grupo D. Uma oportunidade para Pellegrini tentar equilibrar um pouco o saldo frente aos blaugrana, claramente desfavorável: em 22 embates, venceu apenas quatro, todos ao comando do Villarreal, empatando outros quatro.

Do Grupo D vem ainda uma das equipas que protagonizam o outro grande jogo da ronda: o Bayern Munique, de Pep Guardiola. Apesar deter sido derrotado pelo Manchester City, na última jornada da fase de grupos, o campeão europeu terminou em primeiro e encontra agora o Arsenal, que não teve a mesma sorte no Grupo F: ao serem derrotados, em Nápoles, os gunners perderam a liderança para o Borussia Dortmund, perdendo também o estatuto de cabeças de série no sorteio. Azar dos azares, saiu-lhes a maior fava.

Além do reencontro entre José Mourinho e Drogba, o sorteio ditou ainda outro confronto entre portugueses: o Olympiacos de Paulo Machado, carrasco do Benfica, vai tentar contrariar o favoritismo do Manchester United de Nani. Já o Paris SG, que venceu o grupo dos encarnados, defrontará o Bayer Leverkusen. As equipas que deixaram o FC Porto para trás também terão de ultrapassar dois ossos muito duros de roer: o Atlético de Madrid irá enfrentar o AC Milan, que sofreu bastante para se apurar, enquanto ao Zenit São Petersburgo calhou o Borússia de Dortmund, vice-campeão em título.

A Alemanha chegou ao topo da Europa em número de presenças na fase a eliminar da Liga dos Campeões. Nas últimas três edições da prova, os clubes alemães são, a par da Espanha, os que mais vezes estiveram representados nos oitavos de final. Tanto os emblemas alemães como os espanhóis somam nove presenças nos “oitavos” destas últimas três épocas, seguindo-se a Inglaterra com oito e a Itália com seis.

Bayern Munique (três vezes) Borussia Dortmund (2), Schalke (2) e Bayer Leverkusen (2) são os clubes alemães que ultrapassaram a fase de grupos nas citadas três edições, comprovando a saúde financeira e desportiva de uma liga em crescimento – traduzido também com a presença em finais: o Bayern Munique esteve em três das últimas finais da Liga dos Campeões e o Borússia Dortmund numa. Os dois clubes disputaram a última final, com vantagem para os bávaros, por 2-1.

O domínio alemão é um fenómeno relativamente recente, uma vez que, se tivermos em conta um contexto mais alargado, verificamos que Espanha e Inglaterra eram os grandes dominadores. Foi apenas a partir da edição de 2003/2004 da Champions League que passaram a ser 16 os clubes a transitar da fase de grupos para a fase eliminar, ou seja, que a prova começou a ter oitavos de final. Desde então disputaram-se 11 edições, contabilizando-se 37 presenças de clubes ingleses e 34 de espanhóis na fase eliminatória.

A Itália e a Alemanha surgem num segundo grupo, com 29 e 23 presenças, respetivamente, seguindo-se, no que podemos considerar como um terceiro grupo, a França (17 presenças) e Portugal (10). Em contraponto como grande salto dos clubes alemães, verifica-se ao mesmo tempo uma queda acentuada dos emblemas italianos, que esta época têm apenas o AC Milan nos oitavos de final, quando na época passada tiveram apenas AC Milan e Juventus.

Em 11 épocas, o FC Porto chegou oito vezes aos oitavos de final, tantas quantas o Inter de Milão – e são dois emblemas a fechar um “pelotão” de dez que, neste contexto, se destacam dos restantes europeus. Arsenal e Real Madrid são os únicos totalistas, ou seja, os que ultrapassaram a fase de grupos em todas as 11 edições em questão. Barcelona, Chelsea, AC Milan e Bayern Munique chegaram 10 vezes aos oitavos (pelo menos), enquanto Manchester United e Lyon o fizeram em nove ocasiões. Quanto às últimas três edições, os únicos clubes a conseguir sempre o apuramento foram apenas cinco: Real Madrid, Barcelona, Arsenal, Bayern Munique e Milan. Para além do FC Porto, também o Sporting (2008/2009) e o Benfica (2011/2012) chegaram aos oitavos desde 2003/2004.

1ª mão da Liga dos Campeões 2013/2014

18 fevereiro de 2014
Manchester City - Barcelona
Bayer Leverkusen - Paris SG

19 de fevereiro de 2014
AC Milan - Atlético de Madrid
Arsenal - Bayern Munique

25 de fevereiro de 2014
Olympiacos - Manchester United
Zenit São Petersburgo - Borussia Dortmund

26 de fevereiro de 2014
Galatasaray - Chelsea
Schalke - Real Madrid

2ª mão da Liga dos Campeões 2013/2014

11 de março de 2014
Atlético de Madrid - AC Milan
Bayern Munique - Arsenal

12 de março de 2014
Barcelona - Manchester City
Paris SG - Bayer Leverkusen

18 de março de 2014
Chelsea - Galatasaray
Real Madrid - Schalke

19 de março de 2014
Manchester United - Olympiacos
Borussia Dortmund - Zenit São Petersburgo

Redes Sociais

Acompanhe o Aposta X no Twitter
Conheça a página do Aposta X no Facebook

Página Inicial

1 comentários:

Blogger disse...

There is shocking news in the sports betting world.

It has been said that every bettor needs to look at this,

Watch this now or stop placing bets on sports...

Sports Cash System - Advanced Sports Betting Software.

Enviar um comentário

Home - Aposta X

 

Aposta X - Futebol e Apostas Online