Luta pelo Scudetto entre rivais de Milão

16 março, 2010


A Liga Italiana voltou a reunir motivos de interesse pela aproximação do AC Milan ao seu rival. Pessoalmente, tenho dificuldades em gostar do futebol praticado em Itália, passe para muitos seja o futebol mais trabalhado tácticamente no mundo. O Milan vence sempre no sofrimento, raramente consegue resultados volumosos e o Inter segue a mesma regra.

O que parecia um passeio da equipa de Mourinho para mais um scudetto, em poucas semanas transformou-se o cenário com os rossoneri a ficar a apenas 1 pontos do Inter. Além destes, a Roma também espreita uma oportunidade, embora neste fim de semana não tenha aproveitado a 100% a derrota da internazionale na Sicília.



Três meses depois da última derrota, frente à Juventus, o Inter de Milão voltou a perder. Foi no sul, diante do brioso Catânia, que os líderes da Serie A se falharam em todos os capitulos perdendo por 3-1 uma partida que parecia controlada. A cumprir o terceiro e último jogo de castigo, Mourinho assistia embasbacado das tribunas e pior ficou com o 3-1, já perto do fim, por Martínez, um brincalhão que sentou Lúcio e Júlio César na jogada. O Inter acusou a falta do timoneiro e afunda-se numa crise sem precedentes desde que o treinador português foi contratado: ganhou apenas um dos últimos seis jogos do campeonato.

No Giuseppe Meazza, o Milan sofreu bastante para bater o Chievo, mas valeu o tempo empregue só para assistir ao golaço de Seedorf já nos descontos. Apesar do domínio e das oportunidades criadas, só o holandês fez vibrar as bancadas. De negativo, a lesão de Beckham momentos antes: o médio inglês apoiou mal o pé e sofreu uma rotura do tendão de Aquiles. A paragem será longa, e o sonho de jogar o quarto Mundial acabou.

Entretanto, a Roma esteve por duas vezes em vantagem, antes de empatar 3-3 frente ao Livorno, pelo qual Cristiano Lucarelli conseguiu um "hat-trick", e está agora a seis pontos do Inter.

Já a Juventus segue o seu calvário, de uma vitória certa por 3-0 frente ao Siena, resultado construido no primeiro tempo, seguiu-se uma 2ª parte impensável sofrendo três golos e perdendo 2 pontos. De positivo, Del Piero bisou e atingiu o golo 300 na carreira.

Depois de ter sido eliminada da Liga dos Campeões, a meio da semana, a Fiorentina tornou-se na primeira equipa da Serie A a vencer esta época em casa do Nápoles, ao dar a volta ao resultado e ganhar por 1-3, com dois tentos de Gilardino.

Resultados da 28ª jornada da Liga Italiana 2009/2010

Milan - Chievo, 1-0 (Seedorf 91')
Lazio - Bari, 0-2 (Almiron 51', Álvarez 64')
Bolonha - Sampdoria, 1-1 (Raggi 92'; Gastadello 87')
Génova - Cagliari, 5-3 (Zapater 36, Palacio 40', Sculli 43', Marco Rossi 45', Milanetto 59'; Dessena 17', Conti 41', Matri 55')
Livorno - AS Roma, 3-3 (Lucarelli 9', 26' e 71'; Perrotta 10', Luca Toni 19', David Pizarro 28')
Juventus - Siena, 3-3 (Del Piero 2' e 7', Candreva 10'; Maccarone 16', Ghezzal 46' e 74')
Udinese - Palermo, 3-2 (Floro Flores 44' e 65', Asamoah 71'; Fábio Simplício 51', Cavani 80')
Nápoles - Fiorentina, 1-3 (Lavezzi 48'; Gilardino 60' e 87', Jovetic 95')
Catania - Inter, 3-1 (Maxi López 74', Mascara 81', Martínez 90'; Milito 54')
Parma - Atalanta, 1-0 (Bojinov 72')

Vídeo

Golos da 28ª Jornada da Liga Italiana


Fotos: AP

Página Inicial

0 comentários:

Enviar um comentário

Home - Aposta X

 

Aposta X - Futebol e Apostas Online