Marco Van Basten - Vale a pena recordar

09 março, 2010

Marco Van Basten do AC Milan

Apesar de eu ser um jovem de 33 anos, ainda sou do tempo (velha frase) em que a minha geração passava a infância a jogar futebol de rua sol a sol, algo raro nestes dias.

Face à ausência de novas tecnologias, uma simples bola de futebol servia de pretexto para todo o bairro participar activamente numa modalidade adorada por todos. Nas nossas "jogatanas" usávamos os nomes dos nossos ídolos, consoante as características individuais ou posições em campo. Até o nome das equipas não era esquecido.

É com base nessas belas recordações, que vou dar a conhecer os meus ídolos de infância, os jogadores que mais me fascinaram e fizeram gostar e apreciar futebol. Queria referir, que apenas vou mencionar ao longo destas crónicas, jogadores que realmente vi jogar.

Para iniciar esta viagem pelo passado, nada melhor do que recordar Marco Van Basten. Foi um avançado fora do comum. Não era só o facto de ter sido um grande goleador, Van Basten era sobretudo um grande jogador com um talento nato para jogar na frente e prova de classe pura. Alguns dos melhores golos que vi até aos dias de hoje devo-os a ele.

Marco Van Basten, começou a sua carreira profissional aos 17 anos no Ajax, depois de ter sido descoberto numa das muitas e famosas prospecções do colosso Holandês. No Ajax, venceu 3 campeonatos, começando a atrair a atenção dos maiores clubes Europeus. Não foi de estranhar a aposta dos rossoneri (AC Milan) neste talento holandês, pois o clube passava então por um ciclo de revitalização. A transferência oficializou-se em 1987 e o jovem avançado tinha tudo para ser o sucessor de Johan Cruyff.

Van Basten, juntamente com outros dois fora-de-série holandeses - Rijkaard e Gullit, e sob orientação do “mestre” Arrigo Sacchi, começaram o chamado “World Domination”. O AC Milan dava início a uma fase de total domínio do futebol europeu e mundial, que ainda perdura como uma das páginas de ouro.

Marco Van Basten não brilhou apenas nos clubes onde passou. Em 1988 apresentou um futebol de classe inigualável e um killer instinct notável pela sua Holanda. Um hattrick contra a Inglaterra, o golo da vitória na semi-final contra a Alemanha, e um dos melhores golos da história do futebol mundial num volley fabuloso de primeira. Sem grande ângulo batia o melhor guarda-redes mundial da época, Rinat Dassaev. Para abrilhantar ainda mais o momento, este golo (vídeo) foi apontado na final do Euro 88, e Van Basten e a Holanda (Laranja Mecânica) sagravam-se campeões europeus. O reinado de Rinus Michel ficava assim eternizado.

Marco Van Basten campeão Europeu pela Holanda em 1988

Esta vitória no campeonato Europeu, funcionou como tónico para várias outras conquistas por parte do AC Milan e do seu trio de holandeses que encantava o calcio e a europa

Marco Van Basten no clube milanês venceu 2 Taças dos Campeões Europeus consecutivas, em 1989 e 1990 (esta frente ao Benfica - vídeo), e mais 1 Taça das Taças, esta no seu ano de estreia (1987).

Após inúmeros êxitos individuais e colectivos, começou o calvário das lesões de Van Basten e também a falta de confiança. Alguns dos leitores devem estar recordados do penálti falhado pelo avançado holandês na meia-final do Euro-92.  Em 1993, na final da Liga dos Campeões frente ao Marselha, o seu tornozelo cedeu definitivamente, e Van Basten apenas com 28 anos, abandonou prematuramente a carreira.

Perdia-se um dos melhores pontas de lança do mundo e que ainda deixa muitas saudades nos adeptos italianos e holandeses. ( vídeo de despedida )

Algumas Curiosidades:

- Van Basten marcou 2 dos golos que deram a taça dos Campeões Europeus ao AC Milan em 1989 frente ao Steaua de Bucareste. (vídeo )

-Melhor jogador da Europa em 1988,1989 e 1992. Melhor Jogador do Mundo em 1992. Bota de Ouro Europeu em 1986, com 37 golos em 26 jogos pelo Ajax!

-Em 1991, foi motivo para a saída de Arrigo Sacchi do Milan, porque Silvio Berlusconi queria ver 2 pontas de lança no AC Milan e Sacchi achava Van Basten suficiente.

-Em Julho de 2004 chega a seleccionador holandês, conseguindo o apuramento para o Mundial 2006, onde

Dados e Estatísticas:

Local de Nascimento: Utrecht, Holanda
Data de Nascimento: 31 de Outubro de 1964
Altura /Peso: 188 cm / 80 kg
Internacionalizações: 58 / Golos pela selecção da Holanda: 24
Clubes: Ajax e AC Milan
Número de jogos realizados: 280 / Golos: 218
Troféus: Taça das Taças em 1987, Série A em 1988,1992,1993. Campeão Europeu de selecções em 1988. Campeão Europeu de clubes em 1989 e 1990.Supertaça Europeia em 1989 e 90. Taça Intercontinental em 1989 e 1990. Campeão Holandês em: 1982,1983,1985.

Ao serviço do Ajax:

* 133 jogos e 128 golos na Liga Holandesa
* 22 jogos e 13 golos na Taça Holandesa
* 17 jogos e 11 golos nas Competições Europeias
* 172 jogos e 151 golos no total pelo Ajax

Ao serviço do AC Milan

* 147 jogos e 90 golos na Liga Italiana
* 22 jogos e 13 golos na Taça de Itália
* 26 jogos e 18 golos nas Competições Europeias pelo Milan

Ligações Externas

Site de Marco Van Basten e Wikipédia


Vídeo 

Melhores golos de Marco Van Basten


Página Inicial

1 comentários:

Joaquim Antunes disse...

Olá, que grande jogador era, realmente era um regalo ver jogar futebol, muito boa reportagem escrita em cima.

Enviar um comentário

Home - Aposta X

 

Aposta X - Futebol e Apostas Online