Espera-se deslizes! Real ou Barça? Para já tudo na mesma...

27 abril, 2010


A luta pelo pelo título em Espanha continua interessante, com Barcelona e Real Madrid a não facilitarem, embora os jogos frente a Xerez e Saragoça tenham sido sofridos. Numa altura em que faltam somente quatro jornadas, prevê-se um duelo equilibrado até final.

Num plano teórico, o Barcelona terá em perspectiva um calendário mais complicado que o Real. Salvo uma partida fora de casa contra o Maiorca, a equipa de Cristiano Ronaldo tem obrigação de fazer os 12 pontos em jogo. Vencer os restantes quatro jogos não é o problema. Os merengus precisam mesmo é que o Barcelona tropece. E isso não é impossível. Os blaugrana vão a Valencia jogar com o Villarreal, mas ainda têm uma partida contra o Sevilha na Andaluzia

O que falta ao Barcelona: Villarreal (fora); Tenerife (casa); Sevilha e Valhadolid (casa)

Quanto ao Real Madrid: Osasuna (casa); Maiorca (fora); Athletic Bilbao (casa) e Málaga (fora).

Em Camp Nou, o herói do Barcelona não foi Messi, nem Pedro, nem qualquer outro virtuoso. Foi Víctor Valdés. O guarda-redes formado nas escolas do clube catalão conseguiu aguentar a vantagem do Barça em 2-1, num momento em que o Xerez, de forma surpreendente, se acercou da baliza blaugrana em busca do empate. Apenas o terceiro golo de Ibrahimovic acalmou as hostes e os três pontos já não fugiram de Barcelona.


A viagem do Real Madrid ao La Romareda não se antevia fácil e isso verificou-se, mas no fim os merengues conseguiram os seus intentos: derrotaram o Saragoça (1-2).

O treinador merengue Manuel Pellegrini bem pôde agradecer ao "banco" de luxo que tinha à sua disposição: daí saltaram Raúl e Kaká (entrou aos 75'), os autores dos golos. O primeiro entrou para a história da Liga ao tornar-se no terceiro melhor marcador de sempre com 228 golos - superou Di Stéfano, e está atrás apenas de Zarra (251 golos) e Hugo Sánchez (234). E isto no Estádio La Romareda, "marco" da sua história: há 16 estreou-se; em 2000 aí marcou o golo 100 na liga; fez o jogo 550 e poderá ter sido a sua última viagem a Saragoça. É que na altura do golo, já Raúl estava lesionado num tornozelo o que adivinha o seu fim prematuro como jogador do Real.

Um facto relevante, Pellegrini entrou para a história do Real: é o treinador com melhores números no ano de estreia. O Real igualou o recorde de vitórias na Liga - 28 - alcançado por Beenhakker em 1987/88.

O Valência bateu o Corunha e mantém-se no terceiro lugar da Liga, tendo a qualificação para a Liga dos Campeões praticamente assegurada.

Resultados da 34ª Jornada da Liga Espanhola 2009/2010

Valencia - Deportivo, 1-0 (David Villa 34' )
Saragoça - Real Madrid, 1-2 (Colunga 61'; Raúl 50', Kaká 82')
Barcelona - Xerez, 3-1 (Jeffren 14', Henry 24', Ibrahimovic 56'; Bermejo 25')
Osasuna - Athletic Bilbao, 0-0
Getafe - Sevilha, 4-3 (Adrián González 17', León 59', Manu 76', Parejo 93'; Fabiano 33' e 61', Kanouté 38')
Atlético Madrid - Tenerife, 3-1 (Salvio 11' e 30', Agüero 77'; Román 61')
Maiorca - Málaga, 1-1 (Aduriz 90'; Obinna 86')
Racing Santander - Villarreal, 1-2 (Canales 39'; Godin 70', Nilmar 83')
Almería - Espanyol, 0-1 (Luis García 55')
Sp. Gijón - Valladolid, 0-2 (Manucho 80', Javier Baraja 90')

Vídeo

Saragoça 1-2 Real Madrid
Raúl 50'
Colunga 61'
Kaká 82'


Barcelona 3-1 Xerez
Jeffren 14'
Bermejo 25'
Henry 24'
Ibrahimovic 56'


Todos os golos da 34ª jornada da Liga Espanhola


Fotos: AP

Página Inicial

0 comentários:

Enviar um comentário

Home - Aposta X

 

Aposta X - Futebol e Apostas Online